Contagem regressiva: faltam menos de cem dias para o verão

Contagem regressiva: faltam menos de cem dias para o verão

Para quem aguarda ansiosamente pela estação mais quente do ano, é hora de focar nos preparativos e nas tendências para curtir as altas temperaturas  

Visita técnica à Portobello Indústria
Secti divulga classificação do processo seletivo de professores temporários
Peptídeos: os queridinhos dos produtos skincare

Para quem aguarda ansiosamente pela estação mais quente do ano, é hora de focar nos preparativos e nas tendências para curtir as altas temperaturas

 A pandemia provocada pelo novo coronavírus (Covid-19) e o isolamento social têm sido tanto o tema central das atenções, que muita gente nem percebeu que no próximo dia 12 de setembro faltarão apenas cem dias para o início do verão. A estação queridinha de muitos brasileiros promete chegar com altas temperaturas e o período é propício para ligar aquela luz de alerta e iniciar os preparativos para estar com tudo pronto a partir do dia 21 de dezembro.

A dermatologista Lívia Borges, da Santé Dermatologia e Estética, comenta sobre alguns procedimentos estéticos indicados para este período. “Inclusive, oferecemos no espaço algumas opções de pacotes, voltadas especialmente para atender a esta necessidade dos clientes com foco no verão. São técnicas dedicadas a reduzir gordura e a retenção de líquido – como massagens, chás, criolipólise, Sculptra e uso de mantas – e, também, para promover melhorias na pele, como esfoliação corporal, peeling e limpeza”, recomenda.

 

O cirurgião plástico Fabrício Reggiani destaca também alguns tipos de procedimentos não invasivos, que podem ser indicados neste caso, que geram bons resultados, em um rápido período para recuperação. “Um exemplo é o CoolSculpting, um sistema que diminui aquelas gordurinhas localizadas, sem o uso de agulhas, faixas ou cintas e drenagens. Além disso, é possível ter uma redução de até 20% ou 30% na camada de gordura em uma única sessão. Ele permite numa primeira etapa remover o excesso de gordura daquelas pessoas que estão acima do peso. Após 90 dias deste primeiro procedimento pode-se trabalhar o contorno corporal e, por último, caso seja necessário, fazer uma terceira sessão com um refinamento maior”, explica.

Mas, se a ideia é provocar uma sensação de rejuvenescimento, há técnicas cada dia mais modernas e eficientes neste sentido. Um exemplo é o Ultherapy, que trabalha com ultrassom focado de alta pressão, o qual permite melhorar e esticar os tecidos conectivos. “Com este equipamento é possível visualizar as camadas da pele do paciente, por meio do ultrassom, emitindo a energia na profundidade, temperatura e precisão ideais. Desta forma, o procedimento utiliza a resposta regenerativa do próprio organismo (estímulo de colágeno) para promover: tratamento da flacidez facial, papada e pescoço; lifting facial; melhora das rugas; e ainda melhora das linhas finas do colo”, conta.

Para quem deseja rejuvenescer a pele, tratar ou prevenir a flacidez, é possível usar um procedimento estético injetável, chamado Sculptra, que é conhecido mundialmente. Ele pode ser aplicado não só no rosto e pescoço, mas também nos braços, abdômen, coxas e glúteos. “É um dos tratamentos mais eficientes do mercado, indicado para quem deseja ativar a formação de colágeno da pele, já que aumenta em até 400% a sua produção depois de aplicado”, aponta.

Ainda é possível utilizar o Restylane: um gel cristalino, em que sua principal função é a restauração e inserção de volume em determinadas áreas do corpo. O produto é feito a partir de um ácido hialurônico, que se liga a moléculas de água para hidratar e dar volume a pele. “Ele atua na suavização de linhas de expressão, que acusam o envelhecimento, dando um aspecto mais jovem, por meio da aplicação no rosto ou nos lábios. Há casos em que a incidência de rugas diminuiu 80%”, afirma.

 

Novos hábitos alimentares

Junto com a parte estética, também é importante ter alguns cuidados e adaptações na alimentação para chegar com a saúde pronta para curtir os dias mais quentes, com todos os hábitos adaptados. A nutricionista Fernanda Pignaton começa as suas dicas pela necessidade do aumento da ingestão de líquidos. “Não se deve esperar a sensação de sede para se hidratar. A média para adultos e adolescentes fica em torno de 2 litros e para as crianças recomenda-se a ingestão de cerca de 1,2 litro, por dia.

Outra orientação muito importante é sobre os alimentos gordurosos, que devem ser evitados, dando lugar a comidas leves e saudáveis. “Uma característica deste período é a diminuição da taxa de metabolismo basal, ou seja, há uma redução do gasto de calorias em repouso. Até por este motivo também, deve-se evitar excesso de sal, açúcar e bebidas alcoólicas nas comidas, que contribuem para a desidratação e favorecem o acúmulo de gordura no organismo”, orienta.

A dica, mesmo para o período que antecede o verão, é iniciar uma organização da rotina, priorizando uma alimentação mais leve. “Como as saladas, que são refrescantes e contêm diversos nutrientes importantes para a regulação de todo o metabolismo, além de fibras que ajudam a equilibrar a flora intestinal”, sugere.

Para conquistar uma pele mais bronzeada, o consumo de alimentos ricos em carotenóides, em especial o betacaroteno, ajuda a potencializar e prolongar o efeito bronzeado. “Dentre os exemplos de produtos com este tipo de substância, estão: abóbora, mamão, laranja, oleaginosas, gérmen de trigo, batata doce, beterraba, cenoura, pimentão, agrião, brócolis, couve, espinafre e repolho. Eles auxiliam na produção da melanina, ajudam a proteger a pele dos efeitos nocivos do sol e aumentam a sua elasticidade, prevenindo o envelhecimento”, indica.

A especialista só alerta para o consumo em excesso desses alimentos. “A substância pode causar uma ação chamada hiperbetacarotenemia, que provoca a alteração na coloração da pele, deixando as palmas das mãos e os pés amarelados. Além disso, ela se transforma em vitamina A e, por isso, se consumida em grande quantidade, pode causar sérios danos ao fígado. O ideal é ingerir cerca de 4 a 6 mg por dia”, comenta.

 

Cuidados com os fios

Seus cabelos também vão precisar estar prontos para passar por este período de calor intenso. Afinal, as características e os hábitos comuns desta estação podem gerar alguns danos para os fios. A farmacêutica tricologista Cristal Bastos alerta sobre as etapas importantes para preparar o cabelo para o verão.

“A recomendação é repor a hidratação natural dos fios, que é perdida pelo calor e pelo contato com o cloro da piscina ou a água salgada do mar; nutrir os fios, repondo os lipídios, que formam uma película protetora em torno dos fios, mantendo a água dentro deles e protegendo de agressões externas; e reconstruir os fios, repondo a queratina, que também é perdida por conta dos danos”, lista.

Para a proteção solar, a especialista indica o uso do leave-in. “Além de proteger contra a radiação UV, o produto também mantém o frizz sob controle e é ótimo para aquele retoque no visual durante o dia”, diz.

Comentários

WordPress 0
DISQUS: 0
Justified Image Grid Plugin