Coronavírus: ações dos municípios do ES

Coronavírus: ações dos municípios do ES

Devido ao estado de pandemia, declarado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), os municípios do Espírito Santo têm adotado medidas preventivas para diminuir a proliferação do novo coronavírus Covid-19 no estado. Confira abaixo as ações:

Prefeitura de Alegre
O município de Alegre não tem nenhum caso suspeito ou confirmado, porém, a Prefeitura irá suspender todas as atividades do projeto Melhor Idade +Alegre, visando proteger o público que oferece maior risco, que são as pessoas com mais de 60 anos ou com problemas crônicos de saúde. O apoio à eventos como as Feiras do Empreendedor, shows, entre outras atividades, ficarão suspensos por tempo indeterminado. A medida tem como objetivo evitar a criação de aglomerações e seguir a recomendação do Ministério da Saúde.
Ficará, a cargo dos realizadores de cada evento, repensar suas agendas. Assim como eventos particulares em casas de shows, bares e demais organizações, ficarão a cargo de seus responsáveis por tomarem as devidas providências diante deste caso.
Pedimos a população que deixem o Pronto Atendimento do Município apenas para os casos de urgências e emergências. O paciente que não estiver nessas duas categorias de atendimento, deve procurar a Unidade de Saúde do seu bairro.

Prefeitura de Guaçuí
Na área da educação, ficou decidido que, a partir desta terça-feira (17), serão suspensos todos os eventos que estivessem programados nas instituições de ensino da rede municipal e os alunos ao chegarem às escolas devem ir direto para as salas de aula, evitando qualquer aglomeração, ou seja, não haverá a execução do Hino Nacional ou oração, como acontece na maioria delas. “Também vamos suspender os recreios coletivos, com as turmas tendo intervalos separados, iremos fazer atividades que incentivem a higiene pessoal e manter as salas com portas e janelas abertas, bem arejadas”, explicou o secretário de Educação, Liomar Luciano de Oliveira.
Já no caso da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), o município vai seguir as recomendações colocadas pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), para todos os municípios, que estão baseadas em determinações do Ministério da Saúde, levando em conta que, no Espírito Santo, ainda não há recomendação para cancelamentos de atividades escolares, instalação imediata de regimes de teletrabalho, cancelamento de reuniões técnicas, etc.

Prefeitura de Guarapari
Na manhã desta segunda-feira (16), o Prefeito Edson Magalhães, juntamente com as equipes das Secretarias de Educação (Semed) e de Saúde (Semsa), se reuniu com os diretores das escolas municipais para passar as recomendações do Ministério da Saúde sobre o coronavírus e tranquilizar a todos, pois o município não possui caso confirmado da doença. O encontro aconteceu no auditório da Semed.
“Por precaução, enquanto existir a pandemia, o município está suspendendo todos os eventos que seriam realizados na cidade, como por exemplo, a Feira de Arte Sacra, que aconteceria na Semana Santa. No momento, as aulas não serão suspensas e por isso, estamos aqui instruindo os diretores sobre os cuidados em higiene dentro das escolas”, disse o prefeito.
A Secretária de Saúde, Alessandra Albani, disse que o momento agora não é de pânico e sim de atenção. “O momento agora é de prevenção. Pânico só vai atrapalhar, causar aglomerações e sobrecarregar a UPA. Guarapari não possui caso confirmado da doença, temos duas notificações, mas nenhuma confirmação”, disse a secretária.
A Secretária de Educação, Sônia Meriguete, explicou que suspender as aulas agora seria uma decisão precipitada, uma vez que, Guarapari não possui casos. “No momento, nossas escolas irão funcionar normalmente. Os diretores foram orientados sobre as ações preventivas à doença, como se comportar em caso de alunos e funcionários gripados. Além disso, foi sugerida a suspensão das reuniões com a comunidade para evitar aglomerações. Essas medidas foram definidas hoje, mas podem sofrer mudanças nos próximos dias”, disse a secretária.

Prefeitura de Anchieta
Preocupado com a possibilidade do surgimento de casos do novo coronavírus em Anchieta, o prefeito Fabrício Petri assinou, na última sexta-feira (13) um decreto com várias medidas de prevenção ao contágio pelo SARS CoV2 (COVID-19 novo coronavírus). Entre os ítens elencados no decreto estão o que abaixo seguem.
– A suspensão, pelo prazo de 30 dias, da realização de eventos, de qualquer natureza, em espaço fechado, com público estimado igual ou superior a 100 (cem) pessoas, que sejam:
* Executados pelos órgãos da administração pública;
* Apoiados pela municipalidade;
* Realizados nas dependências das unidades municipais.
As Unidades de Atendimento à Saúde e as unidades educacionais deverão intensificar as orientações quanto às formas de prevenção orientando sobre a maneira correta de lavar as mãos, sobre o uso do álcool em gel, da maneira de tossir ou espirrar, do uso de máscara para quem apresentar sintomas, entre outras medidas.
As atividades de ginástica terapêutica e hidroginástica ministradas no Centro Social dos Idosos também estão suspensas, de acordo com o decreto. As aulas de dança deverão passar por um processo de readequação. Embora o decreto determine que algumas medidas sejam válidas pelo prazo de 30 dias, alterações poderão existir se houver necessidade.

Prefeitura de Ibatiba
Mesmo sem casos suspeitas da doença em Ibatiba, a Prefeitura Municipal criou o Comitê de Emergência e Combate ao Coronavírus, visando realizar ações de prevenção e monitoramento da situação. O colegiado já se reuniu nesta segunda (16) e traçou metas para os próximos dias. Através do Decreto Municipal nº 042/2020, o Prefeito instituiu o Comitê e manterá o monitoramento integral das ações por intermédio do Gabinete. Todas as Secretarias estão sendo convocadas para o planejamento das medidas preventivas e no final desta segunda-feira, a Secretaria de Saúde fará um balanço da programação.

Prefeitura de Vila Velha
A Prefeitura de Vila Velha, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), resolve suspender as aulas em toda a Rede Municipal de Ensino a partir desta terça-feira (17) e antecipar para o dia 23 de março o período de férias escolares.
Futuras decisões e atualizações serão tomadas em conjunto com os diretores escolares, a comunidade escolar, pais e responsáveis.

Prefeitura de Cariacica
A Prefeitura de Cariacica decretou situação de emergência em saúde pública, no Diário Oficial em edição extraordinária nesta sexta-feira (13). O decreto nº 054/2020 permite medidas administrativas mais ágeis em resposta ao coronavírus (Covid-19), classificado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como pandemia.
O prefeito Geraldo Luzia de Oliveira Junior, o Juninho, explicou a decisão. “Reunimos todo o secretariado e a equipe de Vigilância Epidemiológica para definirmos quais ações são necessárias neste momento. A cidade não registrou nenhum caso positivo, mas o decreto é uma medida necessária para prepararmos o município, dando agilidade de resposta quando necessário”, afirmou.
O prefeito acrescentou que a população precisa tomar as medidas de prevenção para evitar que o vírus circule em grande quantidade na cidade. “Precisamos tomar nossas medidas individualmente, como lavar as mãos e evitar locais aglomerados, porém não há necessidade de alterar a rotina de trabalho e estudos”.

Prefeitura de Alfredo Chaves
A Prefeitura de Alfredo Chaves informa a suspensão das aulas em todas as escolas da rede municipal de ensino a partir desta terça-feira (17). Unidades seguem abertas até sexta-feira (20) para adequação. Entre 23/03 e 04/04 as escolas estarão fechadas, antecipando recesso de julho.

Prefeitura de Baixo Guandú
Foi determinada a suspensão das aulas na rede de ensino municipal a partir de quarta-feira (18), decidindo também cancelar as festividades de emancipação dos 85 anos de Baixo Guandu, previstas para o período de 9 a 12 de abril. A secretária de Educação, professora Cenira Antônia da Silva, explicou que nesta terça-feira (17) as escolas ainda vão funcionar, para comunicar aos professores e pais de alunos a decisão. A partir de quarta-feira as aulas estarão suspensas, seguindo o protocolo adotado pelo Governo do Estado
O prefeito Neto Barros também decidiu pelo cancelamento da festa da cidade, no mês de abril. Dependendo do comportamento da crise mundial envolvendo a pandemia do coronavírus, a festa poderá ser realizada numa data posterior a ser definida.
A Secretaria de Esportes também anunciou ontem a suspensão das atividades do Projeto Campeões do Futuro, que tem cerca de 400 alunos inscritos. As atividades, previstas para o Ginásio Poliesportivo, estádio Manoel Carneiro e na quadra do bairro Santa Mônica serão paralisadas de imediato, segundo o secretário Waldyr Streets Lima, sem data definida para retorno.

Prefeitura de Presidente Kennedy
A Prefeitura decidiu suspender as aulas nas escolas públicas municipais. O decreto será publicado nesta terça-feira (17) trazendo mais detalhes. As escolas ficarão abertas até sexta-feira (20), para que os pais possam se adequar a essa realidade, até que as famílias consigam se adaptar à nova rotina que se impõe a todos. Na próxima segunda-feira (23) em diante, até determinação contrária, as escolas ficarão fechadas.

Prefeitura de Conceição do Castelo
A Prefeitura decretou suspensão das aulas na rede municipal no período de 23/03 até 04/04/2020. Entre os dias 17/03 e 20/03, as escolas irão funcionar normalmente afim de que as famílias possam adaptar-se a essa nova realidade.

Prefeitura de Alfredo Chaves
A Prefeitura decidiu pela suspensão as aulas da rede pública municipal. As unidades permanecerão abertas até sexta-feira (20), para adequação de horário dos pais e alunos, até que as famílias de adaptem à nova rotina. A partir de segunda-feira (23), haverá antecipação de 15 dias das férias de julho.

Prefeitura de Ecoporanga
A Secretaria de Educação comunica a suspensão das aulas em toda a Rede Municipal de Ensino, como forma de prevenção. A medida é válida a partir desta terça-feira (17), no entanto, as escolas estarão funcionando até sexta-feira (20), para atender alunos e apoar famílias nesse momento de adaptação das novas rotinas. Entre 23 de março e 04 de abril, todas as escolas estarão fechadas, antecipando as férias de julho.

Prefeitura de Santa Teresa
A Secretaria de Educação, em consonância com as orientações do Governo do Estado e como prevenção à pandemia, decidiu suspender as aulas da Rede Pública Municipal a partir desta terça-feira (17). Entretanto, as Instituições de Ensino permanecerão abertas e o transporte escolas circulando até a sexta-feira (20), para adequação dos horários e rotina dos pais e estudantes. A partir da segunda-feira (23), haverá antecipação das férias de julho.

Prefeitura de Venda Nova do Imigrante
A Prefeitura decidiu pela suspensão das aulas a partir do dia 23 de março, antecipando as férias de julho. Desta terça-feira (17) até sexta-feira (20), as escolas continuarão recebendo os alunos para período de adaptação das famílias. As atividades do Centro de Convivência do Idoso foram suspensas para evitar aglomerações que facilitem a transmissão do coronavírus para os idosos. As atividades do Projeto Campeões do Futuro também estão suspensas para evitar concentração de pessoas.

Prefeitura de Mantenópolis
A Prefeitura de Mantenópolis, por meio da Secretaria de Saúde, apresentou, na manhã desta terça-feira, (17), o Plano Municipal de Contingência para Enfrentamento da Infecção Humana pelo Coronavírus. De forma prudente, a partir desta terça-feira, 17/03, as aulas da rede municipal de ensino, estão suspensas, entretanto as instituições de ensino permaneceram abertas e o transporte escolar circulando ate dia 20/03, para adequação de horários e rotinas dos pais e estudantes. Do dia 23/03 ao dia 04/04 não haverá aulas. Próximo ao dia 04/04, haverá nova reunião para avaliar a necessidade de se prorrogar o prazo.

Prefeitura de Viana
O prefeito Gilson Daniel anunciou nesta segunda-feira (16) a suspensão das aulas na rede municipal de ensino a partir de terça-feira (17) como forma de prevenção ao coronavírus. Segundo o prefeito, as escolas estarão abertas até a próxima sexta-feira (20) com a presença dos diretores, prestando as orientações e adequações necessárias. Já a partir da próxima segunda-feira (23), as unidades estarão fechadas, pois será antecipado o período de férias escolares do mês de julho.
De acordo com o prefeito, a suspensão tem como objetivo ajudar no combate e prevenção à disseminação do novo Coronavírus (Covid-19) na cidade. “O momento requer muito cuidado com nossa população. Estamos tomando essa medida em conjunto com o governo do Estado para preservar a saúde e integridade das nossas crianças. Os alunos não terão prejuízo de conteúdo, uma vez que serão recuperados, onde serão seguindo os dias letivos da Lei de Diretrizes e Bases da Educação”, esclarece.

Comentários

Justified Image Grid Plugin