Decoração natalina e Réveillon incrementam desenvolvimento econômico de Vitória

Ações como a decoração de Natal nas ruas e lojas de Vitória e o espetáculo de luzes e cores durante a passagem de ano na capital têm beneficiado o

Equipe da Seag acompanha obras da nova barragem em Jaguaré
Shots fáceis de fazer podem fortalecer a imunidade
Início das obras de restauração de estrada do Caminhos do Campo na região serrana

Iluminação de Natal em Vitória

Ações como a decoração de Natal nas ruas e lojas de Vitória e o espetáculo de luzes e cores durante a passagem de ano na capital têm beneficiado os setores de comércio, serviços, hotelaria, entre outros segmentos da cadeia do turismo, durante o mês de dezembro, com a atração de visitantes de várias partes do País.

Com a cidade enfeitada para o Natal, tendo as vias iluminadas e as decorações especiais dando o clima de magia proposto para a festa, turistas e moradores costumam frequentar mais as ruas e movimentar o comércio local, que também tem seus horários de funcionamento ampliados durante o período.

“A decoração de Natal é fundamental para ajudar a compor o clima de festividades de final de ano, e em Vitória ela já é uma tradição. Esse é um período muito importante para o comércio em geral e, no caso do nosso setor, as pessoas se inspiram a se encontrarem e se confraternizarem nos bares e restaurantes. Quando as ruas estão mais iluminadas e enfeitadas, as pessoas percebem que a comunidade é extensão de suas casas e vêm viver a cidade”, destacou o presidente do Sindicato dos Restaurantes, Bares e Similares do Espírito Santo (Sindbares) e seccional capixaba da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Rodrigo Miguel Vervloet.

Para o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no Espírito Santo (Abih-ES), Gustavo Guimarães, o turismo de lazer tem crescido na capital, com reflexos positivos na ocupação hoteleira. “O turismo tem que ter mobilização, motivação e diferencial. A decoração de Natal e a festa de Réveillon em Vitória proporcionam isso, elas trazem o visitante para cá. Se não tiver nada, o turista vai procurar outro local, e não é o que queremos”, apontou.

Comércio
Com o clima de festas do final de ano, a expectativa de vendas para os comerciantes do setor varejista é de um crescimento de 1,8% em relação ao mesmo período do ano passado, o que representará um aumento de faturamento real de R$ 52 milhões no comércio capixaba, segundo estimativa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Espírito Santo (Fecomércio-ES).

Ainda segundo a Fecomércio-ES, neste final de ano haverá contratações temporárias por conta da maior demanda. “Cerca de 3 mil vagas temporárias serão abertas no comércio de todo o Estado, considerando o último trimestre do ano, além de 2 mil vagas no setor de serviços, atividade muito demandada nesta época de fim de ano, com as férias e, especialmente, porque caminha para a alta temporada do turismo capixaba, cada vez mais fortalecido”, apontou o presidente da entidade, José Lino Sepulcri.

Segundo pesquisa do SPC Brasil, os consumidores devem comprar entre quatro e cinco presentes, fazendo com que o Natal de 2018 movimente R$ 53,5 bilhões em compras. “Com a menor pressão inflacionária e a melhora no mercado de trabalho, os lojistas estão confiantes na possibilidade de faturar mais em relação a 2017”, afirmou o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Vitória, Adriano Ohnesorge.

Réveillon na capital
O Réveillon 2019 de Vitória deve gerar uma movimentação econômica na cidade de R$ 15 milhões, considerando o gasto dos visitantes com hotel, bares, restaurantes, transportes (táxi e aplicativo), comércio e serviços. A estimativa é do Observatório do Turismo, órgão da Companhia de Desenvolvimento, Inovação e Turismo de Vitória (CDV).

“O espetáculo de luzes e cores para celebrar a virada de ano em Vitória tem atraído cada vez mais visitantes de várias partes do País. Além de estimular o turismo, movimenta a economia na cidade pois os turistas ficam de três a quatro dias aqui”, apontou o presidente da CDV, Leonardo Krohling.

A expectativa é de que todos os leitos de hotéis da capital estejam ocupados nesse período. “Já registramos de 95% a 100% de ocupação em vários hotéis da cidade para o Réveillon. A expectativa é de que a rede que está na orla esteja lotada para o show de fogos da virada de ano, que é um destaque entre as cidades litorâneas do País”, disse o presidente da Abih-ES, Gustavo Guimarães.

Réveillon 2018


Espetáculo de fogos promete encantar moradores e turistas na capital

Comentários

WordPress 0
DISQUS:
Justified Image Grid Plugin