Especialistas dão dicas para organizar e comemorar a ceia de natal em segurança

Especialistas dão dicas para organizar e comemorar a ceia de natal em segurança

O período de festas de final de ano se aproxima e este ano muitas famílias estão se reorganizando para a comemoração em casa, com poucas pessoas, devi

Campeonato de Futebol Digital movimenta gamers no Shopping Jardins
Outubro Rosa: exames de preventivo e mamografias a partir deste sábado nas US
Lançamento capixaba promete fios reluzentes durante o verão

O período de festas de final de ano se aproxima e este ano muitas famílias estão se reorganizando para a comemoração em casa, com poucas pessoas, devido a pandemia da Covid-19. Cerimonialista dá algumas dicas para organizar uma ceia familiar aconchegante e de forma segura.

Os itens essenciais para receber a família são comida boa e diversão, segundo a cerimonialista Daieny Fasolo. “Um dos primeiros passos é saber a quantidade de pessoas que irá participar da ceia, com isso é possível definir os tipos de comida e de bebida que atenda todos os gostos e de acordo com o orçamento proposto”, explica a cerimonialista.

Se faltar criatividade e tempo para fazer a decoração, a cerimonialista diz para optar por acessórios simples de fazer como um laço vermelho ou dourado em cada kit de talheres. “Ainda podem ser usados guardanapos de papel grandes como artigo de decoração, arranjos baixos com flores e velas, que deixam o ambiente acolhedor”, pontua a cerimonialista.

Segundo Daieny Fasolo, o cardápio delicioso e a uma mesa decorada não substitui a troca de carinho e gentileza, principalmente neste ano atípico. A sugestão é separar um cantinho para que as crianças fiquem à vontade e se divirtam, garantir que todos estejam confortáveis e incluir na mesa um mimo para cada um. “A simplicidade transforma, então vale levar o espírito do natal e deixar uma mensagem carinhosa ao lado do prato, escrito a mão. Quem não gostaria de ser lembrado e recebido assim?”, pondera.

Orientações na hora de confraternizar

Algumas famílias devem receber parentes que estão há meses sem ver, por isso, a cerimonialista Daieny Fasolo fala da disponibilidade de kits na mesa de jantar. “Distribua na mesa ou em algum lugar próximo, álcool em gel ou álcool 70, máscara descartável reserva, caso a pessoa não tenha levado, e um porta máscara para que possa guardar a que estiver usando”, diz.

A pneumologista Jéssica Polese reforça a importância de reunir pequenos grupos, do uso de máscara e de álcool em gel. “Ao escolher realizar a ceia e receber parentes é importante alguns cuidados como o uso da máscara pelos familiares que não residem na mesma casa. E, se for possível, realize a ceia em um local aberto, arejado, isso pode contribuir também para o distanciamento social”, diz.

A médica pontua a opção de servir os pratos feitos, de maneira individual, para evitar que os alimentos sejam manipulados por várias pessoas. Os saudosos cumprimentos também devem ser evitados. “Sabemos que não é fácil, mas se for possível evitar os cumprimentos, abraços e beijos”, diz. E caso algum familiar esteja com os sintomas da doença, mesmo que isso seja uma decisão difícil, evite ir às festas.

Comentários

WordPress 0
DISQUS: 0
Justified Image Grid Plugin