Serra revitaliza Projeto Costurarte

Serra revitaliza Projeto Costurarte

Na tarde desta quarta-feira (16), a Prefeitura da Serra, por meio da Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda (SETER) revitaliza o Projeto Costurarte e

Parque da Fonte Grande faz reforma na trilha do Mirante do Sumaré
Secretaria de Saúde da Serra terá novo comando 
Super Feira Acaps Panshow vai movimentar a economia do Estado em setembro

Na tarde desta quarta-feira (16), a Prefeitura da Serra, por meio da Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda (SETER) revitaliza o Projeto Costurarte em parceria com o Semearte. Idealizado pela então secretária de Promoção Social do município, Sueli Vidigal na primeira gestão do prefeito Sergio Vidigal, o Costurarte foi instalado no Pró Cidadão.

 

 

Em sua fala, o Prefeito da Serra, Dr. Sergio Vidigal afirma que o melhor investimento da gestão é no ser humano e no cidadão serrano. “Estou na Serra há 39 anos e quero terminar o meu mandato aqui. E hoje estamos aqui relançando esse Projeto Costurarte e esse é apenas umas das vertentes de tantos outros programas sociais. A Serra agora está agilizando os processos do Procon e as coisas estão cada dia mais modernas que até mesmo divórcios podem ser realizados por WhatsApp. A política é o único instrumento que pode mudar a realidade social do povo da Serra. Esse é o nosso papel e o devemos usar esse instrumento para reduzir a desigualdade social. E hoje é cada vez mais visível que temos menos pessoas com carteira assinada, pois eles estão se tornando empreendedores. E temos que qualificar essas pessoas. Vamos levar esses projetos em todas as áreas e principalmente nas áreas de maior vulnerabilidade social”, afirma.

Ele também afirmou que dar empoderamento às mulheres não é só dar um botão do pânico ou dar meios de denunciar a violência, mas sim dar liberdade financeira e dar capacitação. “Temos que usar esse equipamento para dar liberdade as nossas mulheres e torna-las independentes com geração de emprego e renda”.

A Primeira Dama e Madrinha do Projeto, Sueli Vidigal contou como tudo começou e como nasceu o Projeto Costurarte. “Foi observando e interlocutando com essas pessoas, que assim observamos que as famílias trabalhavam na prefeitura e ali elas tiravam a renda familiar. Eu vi as mães mexendo aquelas panelas e vi que elas tinham outras aptidões e voltei para a secretaria após ter andado todas as creches do município. Preparamos então, uma ficha cadastral e ali colocamos cada habilidade e aptidão dos funcionários efetivos e ali vimos que muitos estavam subaproveitados. E os convidei para participar desse projeto e todos toparam. No inicio o projeto começou sem máquinas de costura, mas com bordados e com outros projetos e ampliamos para outros. Inserimos também, homens para as nossas capacitações. E hoje é um dia muito especial para mim, pois eu gostaria muito de ver todos vocês e esse dia é hoje. Eu amei ver todos vocês!”, relatou.

O vice-prefeito, Thiago Carreiro, lembrou a importância de capacitar a população. “É a transformação real de vidas. O município avançou muito com programas como esse. Vamos transformar novamente esta cidade”, declarou.

A secretária de Assistência Social da SerraLilian Mota, falou da primeira gestão de Vidigal,  “Quando nosso prefeito Dr. Sergio Vidigal assumiu a sua primeira gestão, ele encontrou uma Serra bastante desorganizada. Ali a Primeira Dama e então, secretária de Promoção Social viu potencial nas mulheres que trabalhavam nas escolas com a merenda capacidade de se tornarem instrutoras de outras pessoas e através dessa costura ganhar sua renda através dessa arte, pois o próprio nome já diz, “Costurarte”. E hoje estamos revitalizando e entregando de volta ao cidadão serrano, o que um dia já foi sonho e se tornou realidade ao povo serrano.”

Lilian salienta que o compromisso do Prefeito Sergio Vidigal em tornar a Serra mais humana vai além do papel. “No dia 12 de junho, o nosso prefeito assinou uma carta de compromisso, que até 2025 tem o dever de erradicar o trabalho infantil e ele conhece sim das políticas públicas de assistência social. E com o trabalho dos pais, através da geração de renda e do Costurarte, onde elas estão sendo capacitadas os filhos não irão para sinaleiros.” finaliza

Sônia Barbosa dos Santos, Artesã, moradora do bairro Campinho da Serra I foi uma das alunas que participaram do projeto no ano de 2001. Ela coordenou e também deu aulas de pintura em tecidos e conta com gratidão os momentos que viveu ali e como conseguiu sua independência financeira através desse trabalho. “Sou moradora há 39 anos no bairro Campinho da Serra I e em 2001 tive a oportunidade de me matricular no Costurarte, no curso de pintura em tecido e depois fiz o de corte e costura. Com esses cursos consegui aumentar minha renda familiar, pois até hoje sou muito grata pela oportunidade e ainda vivo deste trabalho. Através desta oportunidade eu pude ensinar outras pessoas o que aprendi, e assim elas também conseguiram ter uma renda familiar trabalhando no ramo. Por isso, sou grata ao prefeito Sérgio Vidigal e a Sueli Vidigal por ter-nos dado esta oportunidade”, agradece.

O curso terá um alvo inicial de atender 40 pessoas, mas terá outros braços ao longo do desenvolvimento. E irá apoiar a inclusão dos Empreendimentos Femininos já existentes e fomentar novas criações. O Costurarte, que tem parceria com o Semearte, vai resgatar os valores sociais de cidadania e autoestima.

Foto: Edson Reis.

Comentários

WordPress 0
DISQUS: 0
Justified Image Grid Plugin