Sugestão de pauta: Reunião discute retomada de procedimentos de saúde e cirurgias eletivas na Região Norte do Estado

Sugestão de pauta: Reunião discute retomada de procedimentos de saúde e cirurgias eletivas na Região Norte do Estado

Reunião discute retomada de procedimentos de saúde e cirurgias eletivas na Região Norte do Estado O Ministério Público do Estado do Espírito Sant

Cirurgia das rugas é aposta para rejuvenescimento facial
Força do feminino é tema de palestra gratuita
Magia do Mar lança coleção cápsula para o Carnaval 2019
Reunião discute retomada de procedimentos de saúde e cirurgias eletivas na Região Norte do Estado
O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio do Centro de Apoio Operacional de Políticas da Saúde (Caops), realizou na terça-feira (15/09) uma reunião virtual para tratar da suspensão e do reagendamento de exames, consultas, procedimentos e cirurgias especializadas na Região Norte do Estado. Participaram do encontro a dirigente do Caops e coordenadora do Gabinete de Acompanhamento da Pandemia do Novo Coronavírus (GAP-Covid-19) do MPES, promotora de Justiça Inês Thomé Poldi Taddei; os promotores de Justiça com atuação na área de Saúde na Região Norte; a representante da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), subsecretária de Estado de Atenção à Saúde, Quellen Tanize Alves; o superintendente regional de Saúde de São Mateus, Edilson Moraes; a superintendente Executiva da área de Saúde do Consórcio CIM Norte, Risonete Maria Oliveira Macedo; e o secretário municipal de Saúde de São Mateus, Henrique Luis Follador.

Durante a reunião, o representante da Secretaria Municipal de Saúde de São Mateus relatou que o fato de o município ter sido classificado como risco alto por mais de duas semanas consecutivas, em razão da Covid-19, prejudicou a realização de consultas e exames agendados anteriormente em clínicas credenciadas pelos consórcios públicos de saúde. Informou que o aumento no índice de absenteísmo, devido ao receio dos pacientes em se deslocarem aos serviços de saúde, gerou um aumento significativo na demanda reprimida do município.

Por força da Portaria Sesa nº 038-R, consultas, exames, procedimentos e cirurgias eletivas especializadas estavam suspensas desde o dia 20 de março, devido à situação de emergência em saúde pública decretada para o enfrentamento da Covid-19. O retorno ocorre de forma gradativa desde o dia 6 de agosto, em razão da Portaria Sesa 155-R. Nesse período, o município de São Mateus ficou classificado como risco alto pela Matriz de Risco.

“Com a queda acentuada na taxa de ocupação de leitos reservados para pacientes com a Covid-19 no Estado, a reestruturação desses leitos para a retomada gradativa dos procedimentos e cirurgias eletivas, o reagendamento das consultas e dos exames especializados, aliado ao fato de que grande parte dos municípios capixabas estão classificados em risco baixo, faz com que seja necessário o enfrentamento dessa demanda reprimida não só na Região Norte, mas em todas as regiões do Estado”, destacou Inês Thomé Poldi Taddei.

Link da matéria: https://www.mpes.mp.br/Arquivos/Modelos/Paginas/NoticiaComFoto.aspx?pagina=6110

Comentários

WordPress 0
DISQUS: 0
Justified Image Grid Plugin